Rede Sirius - Rede de Bibliotecas da UERJ

Biblioteca Digital de Teses e Dissertações: plataforma atualizada para uma pesquisa mais ágil e dinâmica

A Rede Sirius – Rede de Bibliotecas UERJ colocou em funcionamento a plataforma atualizada da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD/UERJ), com uma interface de pesquisa mais ágil e dinâmica e novos recursos que facilitam a recuperação da informação de mais de 11 mil trabalhos acadêmicos.

No intuito de continuar interoperável no contexto da comunicação científica, mantendo a filosofia de promoção da produção acadêmico-científica brasileira pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT), da qual fazemos parte como instituição cooperante para consolidação da Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD Nacional), a Rede Sirius iniciou, ao final de 2019, a atualização da plataforma da BDTD/UERJ para a versão atualizada do sistema TEDE-IBICT baseado no DSpace, sendo este um dos softwares abertos mais utilizados mundialmente para construção de repositórios digitais.

Além da divulgação em território nacional, o IBICT contribui para a visibilidade internacional da ciência produzida no Brasil, pois os registros coletados pela BDTD Nacional nas BDTD locais, alimentam através do Portal Brasileiro de Publicações Científicas em Acesso Aberto (oasisbr), quatro grandes repositórios internacionais de acesso aberto com conteúdo científico: a Networked Digital Library of Theses and Dissertations - NDLTD (Internacional), os Repositórios Científicos de Acesso Aberto de Portugal - RCAAP (Portugal), a Rede Federada de Repositórios Institucionais de Publicações Científicas - LA Referencia (América latina) e a Open Access Infrastructure for Research in Europe - OpenAIRE (Europa). Portanto, uma tese ou dissertação depositada na BDTD/UERJ ganha visibilidade nacional e internacional.

A nova BDTD/UERJ, mantendo a filosofia de Arquivos Abertos, reafirma sua relevância como base de dados institucional de teses e dissertações, proporcionando ampla visibilidade da produção dos programas de pós-graduação e colaborando assim com o processo contínuo institucional de melhoria dos indicadores acadêmicos da UERJ.

 

O que a Biblioteca Digital de Teses e Dissertações traz de novo?

A nova versão é uma customização do software aberto DSpace, a mesma solução utilizada para a criação de Repositórios Institucionais de Publicações Científicas em Acesso Aberto no mundo, possuindo funcionalidades mais apropriadas ao cenário tecnológico de hoje, mas mantendo a filosofia de disseminação de teses e dissertações nas instituições de ensino e pesquisa brasileiras. A nova plataforma facilita o compartilhamento de metadados a partir da Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações do IBICT (BDTD Nacional) com outros Repositórios Digitais internacionais: NDLTD (Internacional), RCAAP (Portugal), LA Referencia (América latina) e OpenAIRE (Europa).

 

Vantagens para os usuários?

Para os pesquisadores: Nova interface de pesquisa, mais rápida e dinâmica, apresentando além do campo único de busca tradicional, a navegação por facetas e por nuvem de palavras, que facilitam a recuperação da informação.
Para os autores: maior visibilidade nacional e internacional de sua tese/dissertação.

 

Clique aqui para acessar BDTD/UERJ